Thread: Português (Portuguese)

  1. #2301
    Julius Isidrus's Avatar Centenarius
    Join Date
    Apr 2005
    Location
    Portugal
    Posts
    859

    Default Re: Português (Portuguese)

    Ahhh!! E aquele das ilhas não-sei-quê, a voz que nos fala, mas que se escutamos, cala, por ter havido escutar? E que só meio dormindo ouvimos mas que se despertamos logo desaparece outra vez? São os paraísos fiscais!! Finalmente percebi o poema, na escola não me explicaram nada disto.

    No outro dia passei pelo palácio de Monserrate, ficava de caminho para onde ía, e vi uma edição de bolso espectacular d'Os Lusíadas - reparem como escrevi correctamente - que pertenceu não sei a quem... ou foi no Palácio da Pena... bom não interessa. Não saberão vós onde posso arranjar uma edição parecida com aquela? Devia ter tirado uma foto, tenho que lá voltar.

    Thema Devia - Português (Portuguese)

    Homo sum, humani nihil a me alienum puto

  2. #2302

    Default Re: Português (Portuguese)

    Foi “por engano” que Protecção Civil pagou iPod cor-de-rosa a filhas de comandante





    Gil Martins, antigo dirigente nacional de organismo de combate aos incêndios, começou a ser ouvido em tribunal nesta terça-feira, acusado de peculato e falsificação de documentos


    "O iPod foi comprado por mim. Deve ter entrado nas contas erradamente – até porque era rosa e ficava mal a alguém da Protecção Civil usar essa cor”, justificou-se perante o colectivo de juízes das varas criminais de Lisboa.(...)Quando a Judiciária fez buscas à residência da sua ex-mulher no Estoril encontrou não apenas o dito iPod como também uma máquina fotográfica de 1400 euros, 1 televisor LCD, 1 câmara digital, um leitor de DVD e ainda um telemóvel de 800 euros que estava a ser usado pela dona da casa. Tudo pago pela Protecção Civil. Gil Martins não negou ter comprado estes equipamentos à custa do erário público. Mas alegou que precisava deles para trabalhar, e que o fazia muitas vezes em casa da ex-mulher, de quem se tinha separado quatro anos antes. E se justificou a presença do aparelho de televisão com a necessidade de ver, em grande formato, um documentário secreto sobre a forma como as autoridades de outros países lidavam com os “energúmenos” que tentavam boicotar as cimeiras da NATO - pois ia decorrer uma em Portugal -, já a utilização do telemóvel teve outra explicação. “Era um antigo telefone meu que tentei devolver à Protecção Civil mas que ninguém quis. Ficou lá por casa numa gaveta até ao dia em que o da minha muher se avariou e ela pegou nele”."
    http://www.publico.pt/sociedade/noti...ndante-1636796


  3. #2303

    Default Re: Português (Portuguese)

    E se justificou a presença do aparelho de televisão com a necessidade de ver, em grande formato, um documentário secreto
    O sexy Hot. Ainda não descobriu a internet.


    Impressionante, e hilariante ao mesmo tempo a lata do homem.

    Spoiler Alert, click show to read: 
    Last edited by Knight of Heaven; May 22, 2014 at 02:15 PM.

  4. #2304

    Default Re: Português (Portuguese)

    UKIP ganhou em Inglaterra e Front Nationale em França.

    Eu bem avisei sobre os partidos anti europeus

  5. #2305

    Default Re: Português (Portuguese)

    Apesar de também não estar satisfeito com o estado actual da União Europeia, reconheço que o seu princípio fundador é de louvar, e uma possível ruptura por parte dos seus membros, como sugere este crescimento dos partidos nacionalistas e euro-cépticos é uma caixa de pandora. Como não podemos prever o futuro, reflectimos sobre o passado, e a antiga Europa de nações poderá parecer romântica, mas foi muito pouco pacífica entre as suas nações. Valha-nos a NATO para manter isto tudo unido...

  6. #2306

    Default Re: Português (Portuguese)

    Estas eleições europeias deixara-me tão deprimido que até vim aqui desinterrar esta aconta para me queixar no thread português.
    "The challenge of modernity is to live without illusions and without becoming disillusioned. " - Antonio Gramsci

    "Those who do not move, do not notice their chains." - Rosa Luxembourg

  7. #2307

    Default Re: Português (Portuguese)

    O actual caminho é um super estado europeu que exige a desertificação e alienação de grande parte dos poderes políticos dos estados mais periféricos como portugal.

    Agora que estamos a caminho da federação e a nossa política orçamental é decidida em bruxelas, a nossa taxa cambial e politica monetaria no banco central europeu, é que vemos que a federação não é a vaca leiteira que se pensava.

    Preparem-se para pior, com o aumento dos escalões de IRS já arranjaram forma de tributar muito mais.

    Já fomos um pouco a "prostituta" da europa, a ceder soberania e qualquer favor pedido em troca de dinheiro e fundos, para ganhar a vida, mas a beleza não dura para sempre, e as coisas mal negociadas, agora com o passar do tempo a beleza da antiga charmosa trabalhadora do sexo; foi-se e na europe de leste há umas meninas mais novas e apelativas, para nós agora apenas opressão e pilhagem financeira.
    Last edited by fkizz; May 26, 2014 at 07:30 PM.

  8. #2308

    Default Re: Português (Portuguese)

    Bem tanta metáfora em torno de prostituição, queres nos dizer alguma coisa Fkizz?

    E o Costa? será desta? tenho para mim, que foi tudo planeado no ano passado naquela fatídica noite do rato, De forma a manter a câmara de Lisboa no PS.

    Ou então e a coisa do costume.
    Estas eleições europeias deixara-me tão deprimido que até vim aqui desinterrar esta aconta para me queixar no thread português.
    As eleições foram mas, também porque as campanhas foram horríveis, provavelmente as piores de sempre da Democracia Portuguesa. Contudo não deixa de ser um barómetro do que ai vem, a nível nacional.

    Sabem, que mais ando entretido a jogar o Tropico 5, e a construir uma verdadeira economia forte, baseada na industria e exportações, já que não se pode ter na realidade. Qual foi o meu espanto que quando passei a era colonial, para a era das grandes guerras mundias, recebi a habilidade de controlar a divida soberana comprando e vendendo Bonds ( obrigações do Tesouro) Com juros que aumenta quanto mais pedes
    Claro que rapidamente deixei-me disso, não queria ter o futuro de minha ilha comprometido, por ter vivido acima das minhas possibilidades, e a ser obrigado pelos grandes poderes do capital estrangeiro, a um futuro de austeridade sem alternativa. Ja basta uma realidade, seria muito chato que a coisa se repeti-se numa realidade virtual. Dose dupla e que não.
    Pus me a produzir Rum, para exportar para os estados unidos ilegalmente, na altura da grande depressão, e da proibição, e fiz uma pequena Fortuna. ( Na conta da suíça claro)

    O jogo e fantástico, o melhor Tropico de todos os Tropicos, na minha opinião. Com um interessante e divertido simulador socioeconómico e politico 9 que os outros não tinham tanto) que vale a pena experimentar. Recomendo vivamente.

    Spoiler Alert, click show to read: 

    (epah ele não sabe jogar )
    Last edited by Knight of Heaven; May 27, 2014 at 10:37 AM.

  9. #2309

    Default Re: Português (Portuguese)

    Que saudades do Tropico! Bons tempos do Juanito, do Penultimo e daquelas músicas fantásticas!
    Last edited by Condestável; May 27, 2014 at 01:10 PM.

  10. #2310
    Ludicus's Avatar Vicarius Provinciae
    Citizen

    Join Date
    Sep 2006
    Posts
    11,314

    Default Re: Português (Portuguese)

    Quote Originally Posted by Knight of Heaven View Post
    E o Costa? será desta?
    Pode ser, mas duvido, porque o Seguro tem amigos em pontos chave da estrutura partidária nacional.

    Edito,

    Salário médio em Portugal foi metade da média europeia em 2013 (984 euros). Um dos mais baixos da UE, 18º entre 21 países. (mas é mesmo 984 euros, não será menos?)
    E o da Irlanda (1621 euros) está em praticamente em 3º lugar ex-aequo com a Finlândia (1622 euros). Até o da Grécia é superior.Como são diferentes os resgates em Portugal.
    Last edited by Ludicus; May 30, 2014 at 10:43 AM.
    Il y a quelque chose de pire que d'avoir une âme perverse. C’est d'avoir une âme habituée
    Charles Péguy

    Every human society must justify its inequalities: reasons must be found because, without them, the whole political and social edifice is in danger of collapsing”.
    Thomas Piketty

  11. #2311

    Default Re: Português (Portuguese)

    Quote Originally Posted by Knight of Heaven View Post
    Bem tanta metáfora em torno de prostituição, queres nos dizer alguma coisa Fkizz?
    Andei a ler o Antigo Testamento, na parte em que Deus compara o comportamento politeista de Israel com o de prostituição.

    Quote Originally Posted by Ludicus View Post
    Salário médio em Portugal foi metade da média europeia em 2013 (984 euros). Um dos mais baixos da UE, 18º entre 21 países. (mas é mesmo 984 euros, não será menos?)
    E o da Irlanda (1621 euros) está em praticamente em 3º lugar ex-aequo com a Finlândia (1622 euros). Até o da Grécia é superior.Como são diferentes os resgates em Portugal.
    Ai ai ai ai. Mau mau. Vês algum problema nisso? Não me digas que és um desses caloteiros perigosos nacionalistas que não têem lugar nesta europa para todos, devias era lamentar de o salário médio português estar tão alto para mostrar o teu europeísmo..
    Last edited by fkizz; May 31, 2014 at 08:27 AM.

  12. #2312

    Default Re: Português (Portuguese)

    Boas!
    Quote Originally Posted by fkizz View Post
    ... prostituição.
    Reino Unido: Prostituição e tráfico de droga integrados no cálculo do PIB

    As receitas geradas pela prostituição e pelo tráfico de droga no Reino Unido vão ser integradas no cálculo do Produto Interno Bruto (PIB) e poderão aumentá-lo em 10 mil milhões de libras (12.3 mil milhões de euros).

    http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=706002
    The recruitment of Militia is illegal.
    Militia-recruiters will be prosecuted to the fullest extent of the applicable laws.

  13. #2313

    Default Re: Português (Portuguese)

    Acho muito bem, Na Alemanha e na Holanda já e assim a muito tempo.

    E o da Irlanda (1621 euros) está em praticamente em 3º lugar ex-aequo com a Finlândia (1622 euros). Até o da Grécia é superior.Como são diferentes os resgates em Portugal.
    A Irlanda sempre foi um caso diferente. Eles de facto tiveram um problema financeiro ( especialmente com os bancos), mas nunca um problema de desestabilização económica, alias o nível de vida na Irlanda tem sido sempre dos mais altos da Europa, após a integração na UE.

    O nosso salário mínimo, e muito menor , porque a nossa economia e fraquissima, ao nível, da Romena, ou da Croácia , e de alguns dos países de leste, também porque o nosso governo e extremamente incompetente. Alias não e o Junker que quer estabelecer um salário mínimo comum na zona Euro?
    Como se fosse possível sem graves consequências, de facto os Partidos, e as elites centristas ( especialmente os socialistas) andam as aranhas.

    Andei a ler o Antigo Testamento, na parte em que Deus compara o comportamento politeista de Israel com o de prostituição.
    Eu só acho que a metáfora não e bem conseguida, as prostitutas normalmente são muito bem pagas...e quem anda a pagar somos nos. Contudo parte do problema da nossa grande divida, tem haver também com o estado novo, e o seu grande atraso social, e económico, se assim não fosse, após a entrada na CEE, a divida não seria tão grande.
    O grande problema, e que a Europa e refém da Alemanha. E digo-te basta a FN ganhar o poder em Franca ,o que não sendo impossível, não e assim tão fácil de acontecer, devido ao sistema eleitoral Francês , mas basta isso que e um game over para a União europeia.
    Se a Europa continuar com estas linhas politicas, e o que vai acontecer mais cedo, ou mais tarde...o novo tratado transatlântico, não vem ajudar a coisa de certeza, especialmente para países como o nosso. ( e quem e que o negociou para a UE? a Merkel claro)
    Last edited by Knight of Heaven; May 31, 2014 at 11:20 AM.

  14. #2314

    Default Re: Português (Portuguese)

    Quote Originally Posted by Knight of Heaven View Post
    Eu só acho que a metáfora não e bem conseguida, as prostitutas normalmente são muito bem pagas...e quem anda a pagar somos nos.

    Bom a ideia era que já passou a idade da beleza para sacar bom dinheiro com a prostituição, e as novas meninas de leste que se juntaram em 2006 são mais novas, pelo que fomos deixados ao abandono.

    Quote Originally Posted by Knight of Heaven View Post
    A Irlanda sempre foi um caso diferente. Eles de facto tiveram um problema financeiro ( especialmente com os bancos)
    Bolha de imobiliário resgatada pelo governo fez disparar a dívida publica. Se tivessem deixado falir grande parte dos bancos (admito que muito arriscado) ainda poderia estar com dívida baixa. É daqueles dilemas como deixar falir Banif ou não, e tentador deixar falir mas não queremos corrida aos bancos nesta altura.

    E já reparei que o teu eurocepticism também vai subindo, lentamente mas certamente.
    Last edited by fkizz; May 31, 2014 at 05:01 PM.

  15. #2315
    Ludicus's Avatar Vicarius Provinciae
    Citizen

    Join Date
    Sep 2006
    Posts
    11,314

    Default Re: Português (Portuguese)

    fkizz
    devias era lamentar de o salário médio português estar tão alto para mostrar o teu europeísmo..

    Mas não há europeísmo que nos salve quando existe um só estado e uma filosofia política a mandar em todos.

    Andam agora por aí a pagar 240 euros/mês a auxiliares de educação, mais coisa menos coisa. E nas Universidades há muitos voluntários a trabalhar de graça, todos os dias, na esperança vã de um dia terem um pequeno contrato anual a 30% ou coisa assim. Eu vejo-os, pobres escravos deste sistema iníquo. Vem agora o inefável Marco António do PSD alertar o povo que o TC quer arrastar o país para o passado. Mas que atraso de vida é este, existirem tribunais e constituições.

    Notícias da Grécia,
    Governo alemão admite terceiro plano de assistência à Grécia
    Mas a opção de uma reestruturação da dívida, que significaria perdas para os credores de Atenas, nomeadamente os bancos alemães, é mal vista em Berlim.
    Claro...pois é. Como mal vista será a reestruturação (que me parece inevitável) da nossa dívida, com a qual.... até o Clinton concordou.

    ------

    Knight of Heaven
    A Irlanda... Eles de facto tiveram um problema financeiro ( especialmente com os bancos), mas nunca um problema de desestabilização económica.
    Claro que os países são diferentes, o nível de vida varia de país para país, mas quanto à economia não a vejo assim tão forte. Dos 85 mil milhões do empréstimo, 35 foram para os bancos, mas 50 foram para o Estado.E para 2014 há mais austeridade.
    Com a austeridade e as falências provocadas pela bolha imobiliária, o desemprego disparou e só a partir de meados do ano passado começou a baixar. Num país com cerca de 4,6 milhões de habitantes, a população empregada não chega aos 1,9 milhões e a taxa de desemprego representa 12,5% da população activa.
    Irlanda quer voltar a ser o “tigre celta”, mas a retoma é frágil
    Last edited by Ludicus; June 01, 2014 at 08:49 AM.
    Il y a quelque chose de pire que d'avoir une âme perverse. C’est d'avoir une âme habituée
    Charles Péguy

    Every human society must justify its inequalities: reasons must be found because, without them, the whole political and social edifice is in danger of collapsing”.
    Thomas Piketty

  16. #2316

    Default Re: Português (Portuguese)

    Claro que os países são diferentes, o nível de vida varia de país para país, mas quanto à economia não a vejo assim tão forte. Dos 85 mil milhões do empréstimo, 35 foram para os bancos, mas 50 foram para o Estado.E para 2014 há mais austeridade.
    Não estão agora, como e evidente, mas antes da crise, estavam a crescer a 5%, ora provavelmente o único pais europeu na altura a ou desde a muito tempo que crescia assim. Portugal nunca cresceu assim, talvez nos anos 70 ou 60, e mesmo assim duvido e sempre sub par do resto da Europa, enfim na altura em que havia mesmo crescimento económico no mundo ocidental.
    Ate porque toda a Europa neste momento não digo recessiva, mas sim mergulhada numa economia depressiva, e a nossa não e diferente, nem vai ser diferente, com ou sem o euro, com ou sem a Europa. Eu acho o crescimento de 3% anual que Cavaco muito fala, que e necessário, uma mera fantasia. Em 40 anos conseguimos tal feito? Uma ou duas vezes já nem me lembro, e nunca foi uma coisa constante. Tal só e conseguido, com uma viragem na estratégia e dinâmica da economia Portuguesa, e aqui entra a educação e o "Brain Power" e a inovação que em Portugal e muito diminuto, e me difícil dizer isto, mas os números de facto não mentem, não sei explicar, mas mais de metade da população jovem, nem sequer tem o 12th isto são números que são piores, ou iguais a muitos dos países de leste recém chagados a UE. Com tudo que se consegui-o desde o 25 de Abril, e da entrada na CEE, hoje não estamos tão atrasados, mas e penoso ver que certos Países de leste recém chegados, não só estão ao nosso nível, mas melhor posicionados, para um crescimento sustentável.

  17. #2317

    Default Re: Português (Portuguese)

    Quote Originally Posted by Knight of Heaven View Post
    Com tudo que se consegui-o desde o 25 de Abril, e da entrada na CEE, hoje não estamos tão atrasados, mas e penoso ver que certos Países de leste recém chegados, não só estão ao nosso nível, mas melhor posicionados, para um crescimento sustentável.
    Repara que a maior parte deles não teve o euro em 1999-2010.

    Relacionado;
    O prémio Nobel da Economia de 2008, Paul Krugman, considerou hoje que os líderes da União Europeia, como Durão Barroso, “estão em profunda negação” ao declararem que o euro não teve nada a ver com a crise.
    http://www.ionline.pt/artigos/dinhei...ofunda-negacao

    Por outro lado as economias da europa de leste encontram-se num estado relativamente saudável, a nossa encontra-se em crise profunda, a comparação não é a mais justa.

    Quote Originally Posted by Ludicus View Post
    Mas não há europeísmo que nos salve quando existe um só estado e uma filosofia política a mandar em todos.
    bem vindo à pre federação europeia, consideram necessário uma voz forte que cale as outras 27 para as decisões nao serem tomadas de forma lenta, gente como tu a defender o direito dos trabalhadores é vista como ruído a perturbar a iluminada voz principal.
    Last edited by fkizz; June 01, 2014 at 02:00 PM.

  18. #2318

    Default Re: Português (Portuguese)

    Bem o Krugman diz isso porque não conhece a peça, se conhece-se, sabia que não se leva a serio o que o Barroso diz.
    Nunca teve interesse aquilo que ele diz, e agora muito menos.

  19. #2319
    Ludicus's Avatar Vicarius Provinciae
    Citizen

    Join Date
    Sep 2006
    Posts
    11,314

    Default Re: Português (Portuguese)

    Quote Originally Posted by Knight of Heaven View Post
    Eu acho o crescimento de 3% anual que Cavaco muito fala, que e necessário, uma mera fantasia.
    Sem dúvida. É enganadora, e também muito conveniente.

    gente como tu a defender o direito dos trabalhadores é vista como ruído
    Eu sei. É um ruído incómodo. Mas são esses, os desgraçados quase escravos, que necessitam ser defendidos, o grande capital sabe proteger-se muito bem. E não é obrigatório ser comunista para dizer isto. Eu não sou (embora concorde no plano teórico com muito do que defendem), por vários motivos.
    Last edited by Ludicus; June 02, 2014 at 12:32 PM.
    Il y a quelque chose de pire que d'avoir une âme perverse. C’est d'avoir une âme habituée
    Charles Péguy

    Every human society must justify its inequalities: reasons must be found because, without them, the whole political and social edifice is in danger of collapsing”.
    Thomas Piketty

  20. #2320

    Default Re: Português (Portuguese)

    Quote Originally Posted by Ludicus View Post
    Eu sei. É um ruído incómodo. Mas são esses, os desgraçados quase escravos, que necessitam ser defendidos, o grande capital sabe proteger-se muito bem. E não é obrigatório ser comunista para dizer isto. Eu não sou (embora concorde no plano teórico com muito do que defendem), por vários motivos.
    Pois. Felizmente em Portugal o esquerdismo em geral ainda se encontra num estado decente comparadamente ao exterior, defender a luta dos trabalhadores e dos que seriam esmagados sem a actividade da esquerda, não entrou no ridiculo dos países anglo saxónicos em que defender imigração em massa (faço questão de diferenciar discutir imigração e imigração em massa, são coisas diferentes) e discutir sexo e vida sexual como activismo politico, transsexuais etc. literalmente apaga o tempo de antena para activismo que defende os trabalhadores.. por isso é que sou tão critico face a esquerdismos desses países,

    Por outro lado neste estado de pre federação já abdicámos de muita soberania para termos um dizer nestas coisas dos direitos dos trabalhadores, grande parte do nosso orçamento é decidido em bruxelas e aplicado aqui..

    Mas o que seria um país como portugal sem estado social, segurança social e sindicatos? mesmo que causem incómodos às vezes como paralização de metro e afins, sem tais coisas isto seria uma selva. E nós vivemos em civilização para evitar viver na selva..

    Mas cuidado com a sedução comunista. Mesmo que aqui sejam lançados ao desemprego e problemas financeiros o trabalhador oprimido, num país comunista o tovarisch seria enviado para fazer trabalhos forçados no gulag devido a preguiça.

Tags for this Thread

Posting Permissions

  • You may not post new threads
  • You may not post replies
  • You may not post attachments
  • You may not edit your posts
  •